• Pedro Vitor Lopes

Um consenso chamado Washington Tavares



Enquanto a definição de Pr. Marcos sobre sua sucessão não vem, o mundo da política faz suas apostas e discute qual a formação ideal para a chapa. Nas rodas de conversa, o fato curioso é o saudoso consenso em torno do nome do ex-secretário de ação social, Whashington Tavares.


Atualmente fora do país, Tavares era considerado o candidato natural à sucessão. Com personalidade humilde e carismática, tratava-se de uma unanimidade dentro do governo. Popularidade que lhe rendeu amigos, mas também atraiu a inveja de pessoas próximas ao prefeito, que inviabilizaram bastante seu trabalho a frente da assistência e sua permanência na gestão. Fogo amigo que parece também atingir o atual secretário da pasta.